O objectivo do programa MED é o de melhorar a competitividade do conjunto do espaço do Mediterrâneo, tornando-o um território capaz de rivalizar com os seus concorrentes internacionais, condição essencial para assegurar o crescimento e o emprego às gerações futuras, bem como promover a coesão territorial e intervir activamente a favor da protecção do ambiente, numa lógica de desenvolvimento sustentável.

O montante global e máximo da intervenção do FEDER atribuído ao programa no período 2007-2013 é de 193 milhões de Euros e a taxa máxima de co-financiamento é de 75%. No MED são apenas elegíveis as regiões portuguesas do Algarve e do Alentejo  e as áreas prioritárias são o reforço da capacidade de inovação, a protecção do ambiente e promoção de um desenvolvimento territorial sustentável, a melhoria da mobilidade e acessibilidade e a promoção de um desenvolvimento policêntrico e integrado.

Podem ainda candidatar-se regiões de Chipre, Espanha, França, Grécia, Itália, Malta , Reino-Unido e Eslovénia. Em alguns casos o programa atinge o território todo.

Estas e outras informações mais detalhadas estão disponíveis no site http://www.programmemed.eu/. O programa estará aberto até Maio de 2008.

2008-01-29